INTERNACIONAL

Na Argentina e em sua capital, Buenos Aires, a gastronomia rouba a cena. Uma atividade pecuária de qualidade faz com que a carne seja a grande estrela do cardápio.

Buenos Aires tem uma extraordinária oferta gastronômica protagonizada pela carne de vaca dos pampas argentinos. Uma parrillada tradicional normalmente inclui choripan (pão com linguiça), frango, costela e carne de vitela. Também pode haver embutidos e iguarias como chinchulines (intestino delgado), mollejas (moelas) ou morcilla (sangue com arroz). Quanto aos cortes, há inúmeras opções. Algumas delas são o bife de chouriço, lombo ou costela. Convém especificar como deseja a carne, já que, se não o fizer, será servida ao ponto. Com frequência, as carnes são temperadas com chimichurri, molho de azeite, alho, salsinha e pimenta. Esse complemento costuma dar ao prato um penetrante sabor. Às vezes, também pode haver molho crioulo, feito com tomate, cebola e salsinha. Se quiser esquecer a dieta e experimentar um verdadeiro banquete, dê preferência a um bufê livre.Para regar o almoço e o jantar, nada melhor do que um bom vinho argentino. O país é o maior produtor latino-americano da bebida e o quinto em todo o mundo. Investindo cada vez mais em qualidade, exporta principalmente para os Estados Unidos. Entre suas diferentes denominações de origem, destacam-se as produções de províncias como Mendoza, San Juan, Salta, La Rioja, Córdoba ou Catamarca. Contudo, outras regiões como a própria Buenos Aires vêm ganhando importância na área ao longo dos últimos anos.O tango define a Argentina nos mundos da música e da dança e torna os shows do gênero passeios obrigatórios em Buenos Aires. Bailarinos de rua dão uma amostra do que é possível ver nas casas de espetáculo da cidade.A Argentina é um país apaixonado. Pela cultura, pelo tango, pelo mate, pela carne. E pelo futebol, que quase alcança o status de religião não oficial do país.


Solicite um orçamento


Fale conosco por WhatsApp